fbpx
 
 

Desde ontem, mais de 400 pessoas participam do XVII EPEA - ENCONTRO PARANAENSE DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL com a temática “Com Ciência” nos 20 anos da Política Nacional de Educação Ambiental e Educação Ambiental no Mundo: Diferentes Realidades. O evento realizado na Universidade Estadual de Londrina (UEL) conta com o apoio de vários parceiros, entre eles a Faculdade Teológica Sul Americana.

 A Conferência discute políticas públicas sobre a questão ambiental no Paraná e oferece ferramentas para a formação de estudantes e profissionais por meio de palestras com convidados nacionais e internacionais e mesas de diálogo com pessoas conceituadas no tema. “O evento reuniu todos os poderes públicos: executivo, legislativo, promotoria pública até o poder da cidadania, das pessoas que estão aqui debatendo para que as questões socioambientais sejam melhor discutidas em nosso país”, disse Patrícia de Oliveira Rosa da Silva, uma das coordenadoras do EPEA.

A palestra de abertura no Anfiteatro Cyro Grossi (CCB) ficou por conta de Márcio Rojas da Cruz, Coordenador Geral do Clima no Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações. Cruz revelou preocupação a partir de dados, ainda não publicados, que mostram tendência de aumento na emissão de gases; um dos principais fatores das mudanças climáticas, do chamado efeito estufa, responsável por aumentar a temperatura média no planeta.

A qualidade do ar, assim como da água, também são temas de projetos científicos e de práticas ambientais que estão sendo apresentados na 2ª MOSTRA PARANAENSE DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL, atividade integrada ao EPEA. São 20 expositores de várias instituições da cidade que trabalham com a temática ambiental, assim como a apresentação de projetos de estudantes de química, biologia, artes e outros departamentos da UEL.

Os alunos da FTSA, Mário Batista, Robert Simão, Vinicius Tosta e Carmem Valério, também marcaram presença no evento. À luz do trabalho de pesquisa sobre Educação Ambiental da disciplina de Ética e Direitos Humanos, coordenado pela professora Vanessa Carvalho de Mello, o grupo foi convidado, pela Dra. Patrícia Oliveira Rosa (bióloga e docente da UEL), a compartilhar os resultados do trabalho.

Amanhã será a vez do professor da FTSA, Wander de Lara Proença, a participar da Mesa de diálogos 3: “Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável: sensibilidade de uma agenda universal” a partir das 8h20 no anfiteatro do CCB. “Pretendo apresentar uma visão histórica e teológica sobre a relação da igreja e as questões ambientais e apontar perspectivas práticas para uma atuação da igreja nesse campo temático”, comentou o professor.

O XVII EPEA acontece de 15 a 17 de outubro com inscrições no local. Já a Mostra de projetos está aberta à comunidade no calçadão da UEL. Saiba mais em www.uel.br/eventos/epea/

Veja fotos do evento no Facebook da FTSA>>

 

Leia também

FTSA é parceira no XVII EPEA